Réplica de Caxias do Sul de 1885

Inaugurada em 1978, é um conjunto arquitetônico de 17 casas de madeira, cuja construção obedeceu rigorosamente aos padrões vigentes na época. A Réplica abriga diversos empreendimentos que muito tem a oferecer aos visitantes.

Réplica 1 e 6 - Secretaria de Turismo

54.3222.1875 - www.caxias.rs.gov.br - stur@caxias.rs.gov.br A Secretaria Municipal do Turismo (SEMTUR) tem por finalidade a gestão das políticas públicas municipais voltadas ao desenvolvimento sustentável do Turismo no âmbito local e de forma integrada e regional. Compete à Secretaria promover, fomentar, incentivar e dar assistência e apoio ao Turismo na cidade, com visão econômica e foco nas políticas de incentivo. Presta informações turísticas, divulga os Destinos de Aventura, Cultura, Negócios e Eventos e Rural e faz distribuição de folheteria, mostrando a hospitalidade do povo caxiense.

Réplica 7 - Associação Caxiense de Artesões - Ascart

3222.4699 Atendimento de 5ª a domingo, das 10h às 17h30 Serviços oferecidos: vendas de produtos com técnicas de artesanato.

Réplica 9 - Museu do Comércio

4009.5555 - www.sindilojas-cs.com.br - eventos@sindicatodocomercio.com.br O Museu do Comércio é a representação das primeiras casas comerciais da região, um armazém de secos e molhados do século XIX. Mantido pelo Sindilojas de Caxias do Sul desde fevereiro de 2000, guarda objetos como móveis, rolos de fumo, ferrarias e chapéus, além de alimentos, reproduzindo fielmente um estabelecimento comercial da época em que os imigrantes chegaram. *Visitação com agendamento e aberto no período da Festa da Uva

Réplica 10 - Museu Água

54 3214.3930 - www.samaecaxias.com.br - comunica@samaecaxias.com.br. Exposição de painéis e fotos com a história dos Recursos Hídricos de nosso município. Um painel luminoso mostra o caminho da água da represa até a torneira de casa. *Visitação com agendamento. * Espaço aberto durante a Festa da Uva com a presença dos personagens Samaezito e Samaezita.

Réplica Capela Santa Tereza

A Capela Santa Teresa, proporciona momentos de reflexão aos visitantes, com acomodação para 60 pessoas sentadas.

Réplica Salão Paroquial

Espaço que recebeu o nome de Salão Paroquial Santa Tereza, que é padroeira de Caxias do Sul e foi construído próximo as réplicas. A estrutura tem capacidade para 500 pessoas em uma área de 700 m².

Busto Joaquim Pedro Lisboa

Joaquim Pedro Lisboa é considerado um dos organizadores da primeira Festa da Uva de Caxias, em 1931, e foi seu primeiro presidente. Em 22 de julho de 1978, a comunidade inaugurou um busto de Lisboa no Parque da Festa da Uva.

Memorial Zambelli

Telefone/Fax: 54 3221.2423 - museumunicipal@caxias.rs.gov.br A obra Jesus Terceiro Milênio e o Memorial Zambelli é um conjunto composto de uma estátua (busto) de Jesus Cristo meditando e um Museu de Artes Sacras, doado pela família Zambelli. O busto, com 21 metros de altura em argamassa armada, obra do escultor caxiense Bruno Segalla, tem sua base fixada na laje do Memorial Zambelli, com aproximadamente 450 metros quadrados de área e pé direito de 4 metros. A obra está instalada no lado sul (ao lado do mirante) no Parque Mário Bernardino Ramos em posição privilegiada. Serviços oferecidos: visita com guia especializado - Horário de atendimento: terça-feira à dom das 13h às 17h

Jesus Terceiro Milênio - Reflexão

Obra idealizada e concebida pelo Escultor Bruno Segalla (1922 - 2001) em 1991 Projeto e execução: Marcos e Vinícius Caberlon Modelagem: Ana Selma Chiaradia e Carlo Furtado Data de inauguração: 06 de fevereiro de 2004 Altura: 21 metros Largura: 10 metros Material: 1.500.00 Kg de concreto e 500.000 Kg de aço Conjunto composto de Museu, Capela e Mirante totalizando 850 m²

Gruta Nossa Senhora do Caravaggio

Inaugurada em 2006, a Gruta guarda a Nossa Senhora de Caravaggio, padroeira da Diocese de Caxias do Sul.

Escadaria Via Sacra

Inaugurada em 2006, a Via Sacra com suas 15 estações, possui uma escadaria de 240 degraus.

Monumento Naneto Pipeta

Inaugurada em 2006, o personagem do ator local Pedro Parenti começou a se popularizar em 1924 com a publicação de um seriado no Correio Riograndense. A obra do artista Roberto Mugnol personifica a saga da imigração italiana.